O Show de Truman (1998)

                   Admito que estava relutante em assistir o filme. Simplesmente, não estava a fim. Mas uma irmã desesperada por lazer me convenceu. Aliás, havíamos comprado o filme (original) há alguns dias e seria quase um pecado não assistir.

O filme mostra a vida de um homem que vive sua realidade em um programa de televisão. Mas ele não sabe disso. Entretanto, as coisas começam a ficar estranhas e ele passa a suspeitar de algo.

Foi uma experiência interessante e ri um pouco (Jim Carrey, como não rir?), só que não pude evitar o sentimento de conflito e revolta em relação à situação em que o personagem principal estava. Aquilo era totalmente contra os direitos humanos! ONU, cadê você?

Gostei do filme, mas nem tanto. Dou… Três e meio! Acho que se desse quatro não estaria sendo sincera comigo mesma. Pois bem, vale a pena assistir naquele momento que você não tem nada para fazer e quer assistir algo que seja leve, mas que ainda assim, faça você sentir algo, como no meu caso, o sentimento de revolta.  É isso o que tenho a dizer.

Anúncios