Aqueles tempos sem tempo

study

É totalmente normal uma pessoa do Ensino Médio se sentir insegura com “o que fazer da vida”. Só que essas palavras soam muito menos difíceis do que o sentimento de confusão, de achar que vai ser um fracasso e tudo o que vem junto.

Todos os dias passam iguais, com a mesma pergunta na cabeça. Algumas pessoas tentam ajudar, mas no outro dia tudo começa de novo. Você tenta ser paciente, só que é um pouco complicado quando não se sabe o que está esperando.

Ou você sabe. Mas tem medo de admitir ou de não conseguir. Parece que há um número muito limitado daquilo que tem valor e muita gente corre atrás disso por motivos variados. Às vezes tenho vontade de contar quantas pessoas escolhem certos cursos por que realmente querem aquilo.

Falo “você” porque também sinto isso. Óbvio. Não tenho tempo nem para assistir a um filme, por que escreveria um texto bem no meio da semana sobre algo que tem nada a ver comigo? E eu realmente me sinto melhor quando percebo que outras pessoas estão passando pelo mesmo que eu. Não sei se isso é bom ou ruim, embora pareça um pouco cruel se sentir bem porque o outro também não está legal.

Aqui está um problema sem uma solução imediata. Parabéns. Não há como terminar o texto sem dizer que o jeito é se virar, viver, estudar, prosseguir, respirar, comer, esquecer e muitos outros verbos. Três anos não demoram tanto assim para passar para quem já passou por eles.

Anúncios

4 comentários sobre “Aqueles tempos sem tempo

  1. Se saber que outros também estão passando te faz melhor, então pense que SEMPRE haverá alguém passando por isso… e agora é a sua vez.
    E sobre a confusão e a insegurança elas sempre acabam rondando os fins ou começos de novas fases… só temos que tentar mantê-las sob algum controle!

    (:

  2. E se eu te disser que depois do Ensino Médio, depois da Faculdade e depois de tudo o mais que houver, você ainda vai ter sempre uma pontinha desse sentimento? Parece que quanto mais o tempo passa, menos coisas você consegue fazer e os seus dias ficam ainda mais curtos :/
    Eu ainda to tentando arranjar uma maneira de me acostumar com isso tudo, mas se tanta gente consegue, porque não a gente também? ^^
    Beijos!
    https://pseudoaleatoriedade.wordpress.com/

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s