Valorizo meus “tic tacs”

Ler meus textos antigos me dá aquela sensação de observar a paisagem enquanto se viaja de carro. De tudo se mexendo e do tempo passando. Ou talvez até de um grande borrão devido a alta velocidade.

Também é curioso pensar em como esse tal do” tempo” tem sido tão marcante em boa parte dos meus escritos até pouco tempo. Afinal, por que uma pessoa que supostamente ainda possui muito dele se preocuparia tanto?

Só digo uma coisa, meus caros amigos: certas coisas simplesmente não querem ser explicadas de forma direta, clara e concisa. Além disso, não conseguiria, nem se tentasse arduamente, porque a ideia tem o desejo de mostrar quem e como é, apesar de estar, em boa parte dos momentos, envolta em casacos, chapéus e máscaras. Por dentro, ela está nua. “Como veio ao mundo”.

Quer ler mais?

Gangorra

Confusões e confusões

A avó

Álbum de fotos

Pesca de sábado

Trocados

Fim de mais um dia

 

Anúncios

2 comentários sobre “Valorizo meus “tic tacs”

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s