Arteira

Não prometo o que não cumpro. Nem omito o que já fiz. Desculpem-me, senhores Mas uma coisa tenho que admitir: Sou arteira, assim nasci! O ar que respiro faz um sol Cada passo meu uma cor tem Com os senhores tudo compartilho Mas presente de criança não vale um vintém Quem sabe um dia, se … Continue lendo Arteira