Valorizo meus “tic tacs”

Ler meus textos antigos me dá aquela sensação de observar a paisagem enquanto se viaja de carro. De tudo se mexendo e do tempo passando. Ou talvez até de um grande borrão devido a alta velocidade. Também é curioso pensar em como esse tal do" tempo" tem sido tão marcante em boa parte dos meus … Continue lendo Valorizo meus “tic tacs”

Aqueles tempos sem tempo 2

Faz séculos que não paro para escrever um texto sobre o que estou pensando no momento, e senti muita saudade disso. Sei lá, parece que as férias são o momento em que meu cérebro fica mais desligado de tudo aquilo que envolve opinião. Dá preguiça de pensar. Normalmente, planejo mil coisas para fazer e adivinha? … Continue lendo Aqueles tempos sem tempo 2